esmalte

5 MOTIVOS PARA VOCÊ PARAR DE ROER UNHA

Os médicos e pesquisadores já comprovaram que roer as unhas faz mal à saúde, o perigo dessa prática está no fato de que a cutícula, pele que nos protege de agentes externos, pode acabar sendo removida no ato e nos deixar mais suscetíveis à ação de vírus e bactérias.

O hábito se roer unhas pode ser perigoso, pois está mania está relacionada à ansiedade, ao estresse e à frustração. O nome dado ao vício de roer unhas ou a pele que fica em volta dela é onicofagia. Descubra cinco motivos para parar de roer unha de vez!

alergia-mão-esmalte

  1. Germes

Muitos patógenos costumam viver dentro da unha, e ao roer elas isso pode inserir germes no organismo através da boca. Aqueles que são considerados roedores de unhas compulsivos podem acabar gerando sérios ferimentos, pois costumam roer a pele a cutícula em volta dos dedos.

  1. DTM

O hábito de roer unhas pode acabar gerando outro problema, a Disfunção Temporo-mandibular (DTM). Essa mania pode acabar sobrecarregando a articulação temporo-mandibular e a musculatura da face.

  1. Cáries

A mania de roer unhas pode acabar levando ao desgaste do esmalte dentário que compromete a estrutura dental. Ao diminuir a resistência dos dentes pode também provocar prejuízos estéticos.

  1. Estética

Ter unhas bem feitas pode ser sinônimo de saúde e higiene. As pessoas que costumam roer unhas deixam uma impressão que sugere desleixo e nervosismo.

  1. Limitações físicas

Um roedor de unhas compulsivo pode acabar tendo o uso das mãos restringido por conta dos estragos ocasionados às unhas e pontas dos dedos. As reclamações mais frequentes é a dificuldade de digitar, escrever, tocar instrumentos de corda, entre outros.